Corujas

CORUJAS

Corujas são aves de rapina e animais bastante ágeis na caça. Alimentam-se principalmente de pequenos vertebrados como alguns roedores, répteis, anfíbios, pequenos insetos, pequenos pássaros, como pardais e escorpiões. A grande maioria possui hábitos noturnos. Parte das edificações urbanas (telhados, beirais, pilares, torres) são locais de uso das corujas para construção de seus ninhos [19].

A coruja-buraqueira (Athene cunicularia), espécie mais comum na UFSC, faz seus ninhos em buracos no solo, como em jardins e gramados. Após a postura dos ovos ou nascimento dos filhotes, podem ocorrer situações de territorialismo e defesa do ninho, já que o casal de corujas são muito zelosos com a sua cria. Para evitar ataques, deve-se manter distância, não incomodá-las ou mexer em seus ninhos, principalmente durante o período reprodutivo (março e abril) [20].

Caso a coruja tenha entrado em algum ambiente fechado e não consiga sair ou esteja machucada, o recomendado é solicitar a presença da Polícia Ambiental Militar (contato: 3665-4770) para retirada do animal.

Referências:
¹ http://www.avesderapinabrasil.com/materias/avesderapina_urbanas.htm