Coordenadoria de Gestão Ambiental – CGA
  • Ministério do Meio Ambiente recebe novas adesões em acordo sobre logística reversa de lâmpadas

    Publicado em 28/12/2016 às 11:27

    Logistica-Reversa

    O objetivo é garantir que a destinação final das lâmpadas fluorescentes esteja ambientalmente adequada com a Política de Resíduos Sólidos.

    O Ministério do Meio Ambiente recebeu vinte novas adesões ao Acordo Setorial para implantação do Sistema de Logística Reversa de Lâmpadas Fluorescentes de Vapor de Sódio e Mercúrio e de Luz Mista. A lista de fabricantes que aderiram a esta iniciativa praticamente dobrou e ainda há outros processos em andamento. O Acordo Setorial foi firmado no dia 27/11/2014 e publicado no Diário Oficial de 03/12/2015.

    O processo de construção do acordo setorial de eletroeletrônicos faz parte das exigências da Lei 12.305/2010, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS)O acordo setorial contempla as especificidades no descarte de cada categoria de produtos, desde os celulares até os eletrodomésticos de grande porte.

    Para mais informações sobre a matéria: aqui e sobre o PNRS: aqui.

     

    images


  • JÁ FEZ ALGUÉM SORRIR HOJE?

    Publicado em 15/12/2016 às 12:56

    12096392_450773115115522_2075610003495637689_n

     

    Um grupo de amigos deu início ao projeto para distribuir gentileza entre as pessoas por meio de uma plataforma mobile, a “rede de gentilezas” Kind Me. No lançamento do app, eles foram à Avenida Paulista promover uma ação para incentivar as pessoas a serem mais gentis.

    Os jovens levaram 200 pedaços de bolo para entregar dois para cada pessoa na rua. Um deles continha uma mensagem de gentileza para a própria pessoa. O segundo pedaço é para que o presenteado possa dar a outra pessoa de presente também, criando uma rede de gentilezas.

    O problema da falta de gentileza sempre esteve na nossa frente, apenas colocamos nossas habilidades e tempo a favor dessa necessidade. Começamos a propor formas inusitadas de espalhar sorrisos pela cidade, que deram origem às ações nas ruas. Já realizamos quatro ações até hoje e todos que atingimos mostraram interesse em fazer parte dessa corrente”, explica Murilo Gasparetto, um dos idealizadores do projeto KindMe, que tem como proposta incentivar e tornar visível as atitudes gentis das pessoas.

    Fonte: http://g1.globo.com/.

    12079138_450984071761093_2628664230246398061_n12027628_450213871838113_2124722599415323807_n


  • Florianópolis proíbe produção e comercialização de foie gras

    Publicado em 15/12/2016 às 11:01
    22182132

    Em agosto de 2015, pelo menos 50 pessoas protestaram em frente a um restaurante de Florianópolis, que organizava um festival com a iguaria Foto: Charles Guerra / Agência RBS.

    O prefeito Cesar Souza Jr. sancionou no dia 12 de dezembro a lei complementar 593/2016  que proíbe a produção e a comercialização de foie gras.

    O foie gras é o órgão doente de um ganso ou pato, engordado de maneira forçada, várias vezes por dia, com um tubo de metal de 20 a 30 centímetros enfiado na garganta até o estômago.

    Em junho de 2015, São Paulo tornou-se a primeira capital brasileira a proibir a produção e o comércio de foie gras. Outras cidades também aprovaram leis similares, como Blumenau, Sorocaba, Santa Bárbara D’Oeste e Aparecida.

    Leia a matéria completa aqui.

     


  • ESTUDANTES CRIAM MEMBRANA BIODEGRADÁVEL PARA SUBSTITUIR GARRAFAS DE ÁGUA

    Publicado em 14/12/2016 às 17:55
    ooho_1

    Membranas biodegradáveis substituem garrafas.

    De acordo com o criador da membrana, o objectivo é diminuir o uso de garrafas descartáveis pela sociedade. 

    Uma membrana orgânica biodegradável, que consegue armazenar água, foi criada em Londres por três estudantes de design industrial. Chamada de Ooho, a bolha é criada por um processo de “esferificação”, a mesma técnica popularizada pelo chef espanhol Ferran Adriá, que tornou célebre o restaurante elBulli, em Barcelona. 

    A estrutura é composta por algas e cloreto de cálcio, que criam um gel ao redor da água.

    Leia mais aqui.

    Fonte: Green Savers (pt).


  • Feedback

    Publicado em 02/12/2016 às 14:09

    15321604_10205921618279775_1783243303_o

    FORMULÁRIO


  • Jeffrey Sachs explica o desenvolvimento sustentável em curso gratuito online

    Publicado em 24/11/2016 às 16:26

    Curso online aborda novo livro de Jeffrey Sachs, “A era do desenvolvimento sustentável”. São 14 semanas de curso, com vídeo-aulas com o próprio professor Jeffrey Sachs, além de material em pdf. O curso é super bem organizado, os dados excelentes, tem toda uma ordem lógica e bem concatenada e a fala de Jeffrey Sachs sempre empolga quando ele mostra resultados de sucesso de redução da pobreza na Ásia e na África.

    O professor Jeffrey Sachs além de professor da Universidade de Columbia, é consultor da ONU, diretamente ligado ao Ban Ki-moon e praticamente tudo que ele mostra no curso são práticas aplicadas pela ONU em algum lugar do mundo e que deram certo para a redução da pobreza, aliás o ponto crucial para o desenvolvimento sustentável para o professor Sachs é a erradicação da pobreza extrema, sem isso, pra ele não existe desenvolvimento sustentável.

    cursera é uma plataforma web based fundada em 2012 por dois professores de Stanford, a plataforma disponibiliza cursos online, com ou sem certificado, de diversos parceiros top, como Columbia University , University of Edinburgh, UC, Yale, Unicamp, USP, entre outros. (Nem todos os cursos possuem legendas em português.)

    Para mais informações: The Age of Sustainable Development

    download


  • III Seminário de Gestão Pública Sustentável

    Publicado em 08/11/2016 às 16:22

    No dia 1º de dezembro de 2016,  acontecerá o   III Seminário de Gestão Pública Sustentável, realizado pelas Instituições Federais de Ensino de Santa Catarina no IFC (campus Camboriú). 

    O evento  será gratuito e trará a temática “Inovação, Empreendedorismo e Sustentabilidade na Gestão Pública”. Serão realizadas  palestras com especialistas do assunto e apresentação de cases de sucesso das IFES Catarinenses.

    Inscreva-se gratuitamente no link: https://goo.gl/HMRtwg

    Confirme presença no evento do Facebook: https://goo.gl/k5fzvL

    Data: 01 de dezembro de 2016
    Horário: das 9h às 17h
    Local: IFC – Campus Camboriú
    Público Alvo: Servidores (porém as inscrições estão abertas também para alunos e comunidade externa)

     

    programação com apoio-01

    PALESTRANTES

    Isabel de Meiroz Dias 3 seminario-01

    Lucila Maria seminario-01

    Leonardo Secchi - semin gestao sustentavel-01 (1)

     

    CASES

    CERTO DE VDD ecobags layout- semin gestao sustentavel-01 (1)

    CERTO compras sustentáveis-01

    CERTO DE VDD Energia Solar-01-01

    Para todos aqueles que participarem, haverá a emissão de certificados.

    IMPORTANTE: a UFSC estará disponibilizando um ônibus gratuitamente para todos que quiserem participar, dando prioridade para os servidores (VAGAS LIMITADAS!!). Se estiver interessado, ligue para 3721-6103.

    onibus seminario-01


  • Moringa, a planta que purifica a água e poderia acabar com a fome mundial

    Publicado em 27/10/2016 às 10:36

     

    Preocupados com as alterações climáticas, cientistas têm procurado alternativas alimentares que sejam resistentes a adversidades e ao mesmo tempo mega nutritivas.

    A planta traz uma série de benefícios, tanto para saúde e nutrição, quanto para economia e meio ambiente.

    nutritional_profile_of_moringa

    Leia mais aqui.

    Fonte: ecycle.com.br

     


  • Garota de 17 anos inventa sistema portátil que limpa água e produz energia

    Publicado em 17/10/2016 às 18:14

     

    A pequena tecnologia é capaz de purificar a água ao mesmo tempo em que gera energia, ideal para comunidades isoladas.

    cynthialammontagem

    sistema portátil capaz de purificar a água ao mesmo tempo em que gera energia

     

    Com apenas 17 anos, a jovem australiana Cynthia Sin Nga Lam desenvolveu um sistema portátil que pode facilitar muito a vida de pessoas que vivem em comunidades isoladas. A pequena tecnologia é capaz de purificar a água ao mesmo tempo em que gera energia.

    A invenção foi apelidada de H2prO e tem como base apenas dois agentes principais: dióxido de titânio e luz. Ao entrar em contato com a luz, o titânio absorve a energia ultravioleta e gera radicais que auxiliam o processo de oxidação de compostos orgânicos, que se decompõem para produzir CO2 e H2O.

    O dispositivo é pequeno e composto por duas partes. A unidade superior é usada para a purificação da água, enquanto a divisão inferior serve para a geração de hidrogênio, conectada a uma célula de combustível e à unidade base para a filtração da água.

    Leia a matéria aqui.

    Fonte: CicloVivo.


  • Respeitar os ecossistemas é crucial para o desenvolvimento sustentável

    Publicado em 29/09/2016 às 13:31

    Precisamos mudar os padrões de consumo na medida em que cresce a população mundial.

    Precisamos mudar os padrões de consumo na medida em que cresce a população mundial.

    Até 2050, o mundo contará com nove bilhões de habitantes. Isso não significa apenas que haverá dois bilhões de bocas a mais para alimentar, mas também que essas bocas consumirão mais do que agora. Essas mudanças vão gerar uma pressão sem precedentes sobre os recursos naturais mundiais, segundo um novo informe do Painel de Recursos Internacionais (PRI), do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) intitulado  “Coerência das Políticas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: Uma Perspectiva dos Recursos Naturais

    A menos que essa agenda se concentre na proteção e no respeito da riqueza limitada do planeta, as metas de erradicação da pobreza e a garantia de uma vida digna para as gerações atuais e futuras ficarão pelo caminho, segundo os especialistas.

    O informe também exorta as autoridades políticas a adotarem práticas baseadas na estratégia da “economia circular”, na qual a reutilização, reciclagem e reúso dos produtos reduzem os resíduos ao “desacoplar” a utilização dos recursos naturais do progresso econômico.

    Leia a matéria completa aqui.

    Leia o relatório aqui : “Coerência das Políticas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: Uma Perspectiva dos Recursos Naturais

    Sobre o Painel Internacional de Recursos

    O Painel Internacional de Recursos é um grupo de mais de 30 especialistas e cuientsitas renomados internacionalmente e mais de 30 governos nacionais. É sediado na Divisão de Tecnologia, Indústria e Economia do PNUMA. Foi estabelecido em 2007, como um órgão científico para fornecer avaliações científicas relevantes e independentes aos governos e outras partes interessadas quanto ao uso efetivo e eficientes dos recursos naturais ao longo de todo o ciclo de vida. Os relatórios do Painel têm sido usados e indicados por organizações internacionais, governos nacionais, grupos de reflexão e organizações de pesquisa, academia, indústrias e sociedade civil, nas discussões e planejamento de novas políticas que levem em consideração a produção e consumo sustentáveis e eficientes de recursos.

    Fonte: envolverde.com.br